Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mais anedotas

Anedotas novas todos os dias. Navegue pelas tags para ver mais anedotas.

Anedotas novas todos os dias. Navegue pelas tags para ver mais anedotas.

Mais anedotas

06
Jul17

Corno

Um homem ia todos os dias ao mesmo café.
Quando saía, do outro lado da praça, outro homem gritava:
- Olha o corno!
O homem começou a ficar irritado. Todos os dias era chamado de corno.
Certo dia contou à sua mulher. A mulher disse-lhe:
- Não te preocupes, homem! Nem deve ser contigo, deve ser com outra pessoa que passa na rua ao mesmo tempo que tu!
O homem lá se acalmou.
No dia seguinte, quando vai a sair do café, o outro homem do costume grita-lhe:
- Com que então, para além de corno é queixinhas!

21
Jun17

Às portas da morte

Às portas da morte, o marido diz à mulher:
- Tenho que te contar algo que me está atravessado na garganta...
- Vá, descansa...
- Não, tenho que te contar... eu fui-te infiel...
- Eu sei.
- Sabes?
- Claro! Porque é que julgas que te envenenei?

07
Jun17

Ficávamos amigos?

Dois amigos conversam num bar, já com algumas cervejas cada um.
Diz um deles:
- Olha lá, se eu comesse a tua mulher, ficávamos amigos?
- Claro que não!
- Bem... Mas ficávamos companheiros, então?
- Não!
- Hum... Ficávamos inimigos?
- Não, pá!
- Deixavas de me falar, era?
- Não!
- Ai a merda... Então ficávamos como?
- Olha, pá... Ficávamos quites!

12
Mai17

Um tiro em cada um

O telefone toca e o mordomo atende.
Do outro lado o patrão diz:
- Chama a minha mulher!
- Patrão... Eu não posso... É que... Ela está no quarto...
- E qual é o problema dela estar no quarto? Vai já chamá-la!
- Mas, patrão, é que... Ela foi com um homem...
- O quê? Com um homem? Na minha própria casa? Com outro homem?
- Pois... Sim, patrão...
- Meu Deus! Ela merecia... Merecia... Eu apetece-me matá-los! Matá-los! Olha lá, vais fazer o que eu te vou mandar, ouviste?
- Sim, patrão.
- Vai ao meu escritório e tira a minha pistola da gaveta. Vai até ao quarto e dá um tiro em cada um! Vai! Vinga-me!
- Sim, patrão. Eu já vou.
O mordomo pousa o telefone e vai cumprir as ordens do patrão.
Pelo telefone, o patrão ouve: toc, toc, toc... hriiiiccccc... PUM... PUM... crash... splash!
Dali a nada o mordomo regressa ao telefone e diz:
- Patrão, já está!
- Ao menos isso. Ao menos tu és-me fiel! Nem queiras saber como estou aliviado! Conta-me! Conta-me tudo! Conta-me como foi!
- Bem, patrão... Eu aproximei-me do quarto pé ante pé... Abri a porta com cuidado... Dei um tiro nele... Dei um tiro nela... Ele ficou logo caído, mas ela não morreu logo e cambaleou pelo quarto até à janela... Desequilibrou-se nessa altura, partiu a janela e caiu à piscina!
- Piscina? Mas... Eu não tenho piscina... De que número é que fala?

26
Abr17

Marilu

Um homem está sentado tranquilamente no sofá quando a mulher lhe dá com a frigideira na cabeça.

- Ó mulher! Estás maluca?

- Isto é pelo papel que encontrei nas tuas calças com o número de telefone de uma tal de Marilu!

- Ora... percebeste tudo mal! Marilu... É o nome do cavalo em que eu fui apostar! E o número de telefone é o número do corrector de apostas!

No dia seguinte, estava o homem novamente sentado no sofá, a mulher vem outra vez por trás dele e dá-lhe com a frigideira na cabeça.

- Caraças, pá! O que foi agora?

- O que foi? Tens o teu cavalo ao telefone!

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D